O que é regime de competência?

O que é regime de competência?

Entre as atividades contábeis que uma empresa deve realizar, o regime de competência é uma das mais importantes. Esse procedimento garante que a empresa possa organizar melhor os seus pagamentos e administrar as suas contas de forma coerente.

Apesar da relevância, os empresários costumam ter muitas dúvidas sobre o regime de competência. Por isso, reunimos as principais delas aqui e as responderemos em seguida. Acompanhe e entenda mais sobre o assunto!

 

Afinal, o que é regime de competência e como ele é feito?

O regime de competência pode ser definido como um método para realizar o registro de lançamentos contábeis.

Nele, os lançamentos são realizados independentemente do recebimento das receitas ou do pagamento das despesas.

A principal vantagem de trabalhar com esse modelo é a possibilidade de prever o futuro da contabilidade da empresa, avaliando diferentes cenários.

 

 

Qual é a importância dessa atividade para a empresa?

Essa metodologia é importante porque os relatórios financeiros permitem a identificação das transações passadas e futuras.

Dessa forma, ele acaba sendo um recurso bem útil para o planejamento financeiro, tendo em vista que o empresário terá mais previsibilidade dos custos e das despesas em determinado período.

Além disso, ao realizar o regime de competência na contabilidade, também fica mais fácil de elaborar o Demonstrativo de Resultados do Exercício (DRE), que é um dos relatórios de gestão mais relevantes para qualquer organização.

Leia também: Por que escolher a Ellas Contabilidade?

 

Quais são as diferenças entre o regime de competência e o regime de caixa?

É importante que o empresário tenha em mente que o regime de competência não é sinônimo para regime de caixa. Ambos os conceitos são diferentes!

O regime antecipa os lançamentos e é utilizado para a organização da contabilidade. Vale ainda ressaltar que ele é considerado a maneira obrigatória de fazer os registros contábeis.

Já o regime de caixa, considera que as negociações sejam feitas no ato em que a transação financeira ocorre. É algo que está mais próximo da rotina da sua empresa e está ligado ao fluxo de caixa.

Em linhas gerais, para a contabilidade da sua empresa, vale mais a pena trabalhar com o regime de competência. Isso porque, dessa forma, você poderá ter sempre um aporte financeiro programado para antecipar os impostos e fazer os pagamentos.

Porém, o regime de caixa também é interessante para alguns negócios, principalmente aqueles com entradas mais variáveis, que não conseguem prever com exatidão o quanto ganharão em determinados períodos.

Por isso, para escolher a melhor opção entre regime de competência e regime de caixa, o mais interessante é contar com o auxílio de uma empresa de contabilidade eficiente. Dessa forma, os competentes profissionais da área poderão orientá-lo e tomar as medidas necessárias.

Gostou deste artigo e quer receber mais dicas de contabilidade para a sua empresa? Então, não deixe de nos seguir nas redes sociais! Estamos no Facebook e no Instagram, sempre trazendo informações de qualidade para o setor contábil do seu negócio.

 

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.

Share This
WhatsApp Icone